OPERANTAR 40ª Operação Antártica

Entenda a OPERANTAR

Acompanhe os navios

Aqui você poderá acompanhar o trajeto dos Navios da Marinha do Brasil desde o suspender do navio do Rio de Janeiro até sua chegada na Estação Antártica Comandante Ferraz (EACF).
Clique aqui para acompanhar.

OPERANTAR - Ary Rongel OPERANTAR - Max OPERANTAR - Antártica

Fique por dentro

Projetos da OPERANTAR XL

Veja a lista de projetos que estão participando da OPERANTAR XL

Saiba mais →

Calendário da OPERANTAR XL

Datas de eventos e atividades previstas para a execução da OPERANTAR XL

Saiba mais →

Diário de bordo

Fique por dentro das atividades realizadas no continente gelado

Saiba mais →

Voos Antárticos

Veja como funcionam as operações áreas na Antártica

Saiba mais →

Galeria

Fotos recebidas pela tripulação e pesquisadores da OPERANTAR


Veja mais →

OPERANTAR XL em números

OPERANTAR - Infográfico OPERANTAR - Infográfico Mobile

Selo comemorativo 40 anos PROANTAR

Disponibilizada entre os dias 09 e 20 de novembro, a enquete , para a escolha do Selo Comemorativo dos 40 anos do PROANTAR, contabilizou quase 3 mil votos, sendo a opção número 1 (imagem a seguir) a grande vencedora, com 51,3% dos votos.

OPERANTAR - Selo Comemorativo

DISTINTIVOS

Logo 40 anos da OPERANTAR

Logo comemorativo dos 40 anos do PROANTAR

Na marca comemorativa dos 40 anos do Programa Antártico Brasileiro (PROANTAR), destaca-se ao fundo o Morro da Cruz, elevação marcante com 250 metros de altitude acima do nível do mar, a oeste Estação Antártica Comandante Ferraz, na Baía do Almirantado, que tem em seu topo uma cruz de madeira. A constelação do Cruzeiro do Sul é usada como fator de localização e referência, pois o seu eixo maior aponta o sentido Sul, direcionando o navegante para a região onde foi instalada, em 1984, a Casa do Brasil na Antártica. O círculo azul com o verde e amarelo remete à bandeira nacional e à ininterrupta presença brasileira na região austral.

Logo H41 - OPERANTAR XL

Bolacha do Navio Maximiano

A bolacha do Navio Polar Almirante Maximiano para a OPERANTAR XL apresenta o Navio na Baía do Almirantado, nas proximidades da Estação Antártica Comandante Ferraz. Ao fundo, aparece o mascote do Navio, a foca-leopardo "Tio Max", espécie de foca predadora que habita a região Antártica.

Logo H44 - OPERANTAR XL

Bolacha do Navio Ary Rongel

Navio de Apoio Oceanográfico "Ary Rongel" atravessando águas congeladas no território Antártico, circundado por moldura azul ferrete com a nova logomarca da Marinha do Brasil e os dizeres "OPERANTAR XL" e "NApOc ARY RONGEL".

Grupo-Base Antarcticus - OPERANTAR XL

Grupo-Base Antarcticus

O Grupo-Base (GB) 2021-2022, denominado Antarcticus, será o responsável por apoiar a realização de pesquisas na região da Baía do Almirantado durante a 40ª Operação Antártica (XL OPERANTAR), além de garantir a operação e a manutenção da Estação Antártica Comandante Ferraz (EACF).

Na escolha do nome os integrantes do GB levaram em consideração algumas das características da espécie “Pygoscelis antarcticus”, ave típica da Antártica que apresenta comportamento filopátrico, palavra que deriva do grego antigo, significando ‘amor ao lar’, indicando que estes pinguins retornam ao seu local de nascimento para procriar; apresenta baixo dimorfismo sexual, ou seja, não existem diferenças físicas consideráveis entre os machos e as fêmeas; é monogâmico, relacionando-se exclusivamente com um único parceiro; e suas ninhadas são de dois ovos por casal, havendo o revezamento entre o macho e a fêmea tanto na chocagem dos ovos quanto no cuidado e alimentação dos filhotes.

Na identificação deste GB, a imagem do pinguim da espécie “Pygoscelis antarcticus”, tendo ao fundo a EACF e o Morro da Cruz, sob o céu noturno de 21 estrelas, demonstrando parte da abóboda celeste no dia 01 de novembro de 2021, data prevista para início da missão do Grupo-Base Antarcticus.

Grupo-Base Polaris - OPERANTAR XL

Grupo-Base Polaris

O grupo 2020/2021 denomina-se Polaris, em alusão a Estrela Polar do Sul ou Polaris Australis, localizada na Constelação Octans e também conhecida como Sigma Octantis. Uma das características dessa estrela é estar distante, mas sempre presente.

Águias - OPERANTAR XL

Águias

Concebida com o intuito de registrar a importante participação dos Águias, como são conhecidos os integrantes do 1º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral, nas Operações Antártica (OPERANTAR), representada pela águia branca com o continente austral ao fundo.

Aeronaves UH-17 - OPERANTAR XL

Aeronaves UH-17

A arte em comento foi criada para registrar a sinergia da operação das aeronaves do 1º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral com os navios NApOC Ary Rongel e NPo Almirante Maximiano, no decorrer das Operações Antártica (OPERANTAR), representada pela águia marrom e os navios com o continente gélido ao fundo.

Fotos: Ricardo Leizer

×
X

 

  • 1ª tripulação EACF - Fevereiro de 1984 ban-image
  • Caminhada na cordilheira - 1984 ban-image
  • Dia do aniversário do CF Ferraz - Homenagem Póstuma em 1984 ban-image
  • Dia da Inauguração -6 de fevereiro de 1984 ban-image
  • Período de monstagem - Janeiro-Fevereiro de 1984 ban-image
  • Período de monstagem - Janeiro-Fevereiro de 1984 ban-image
  • 1ª tripulação EACF - Fevereiro de 1984 ban-image
  • Antigos módulos EACF ban-image
  • Dia da Inauguração -6 de fevereiro de 1984 ban-image
  • Período de monstagem - Janeiro-Fevereiro de 1984 ban-image